Hortolândia prorroga campanha de vacinação contra Paralisia Infantil

17

Imunização continuará a ser feita nas UBSs até o dia 28 deste mês

Se você tem crianças pequenas, certamente quer viver momentos de lazer junto com elas. Poder brincar, correr no parque, andar de bicicleta, dentre tantas outras atividades divertidas. Mas, para que isso aconteça é importante imunizá-las contra a Paralisia Infantil. Se suas crianças ainda não receberam a vacina contra a doença, fique atento! A Prefeitura de Hortolândia prorroga o prazo da campanha de vacinação contra a Poliomielite até o dia 28 deste mês. A vacina está disponível nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde). A vacinação é feita de segunda a sexta-feira, das 8h às 15h30. A vacinação é para crianças de um a menos de cinco anos.

De acordo com a coordenadora do Programa de Imunização da Secretaria de Saúde, Ana Paula Fernandes, Hortolândia prorroga a campanha conforme a determinação do governo do Estado. A vacinação foi prorrogada por causa da baixa cobertura vacinal registrada até o momento. De acordo com dados do Ministério da Saúde, o município aplicou 442 doses, o que representa uma cobertura vacinal de apenas 3%. A cobertura vacinal no estado de São Paulo e no Brasil está em 11%, número também considerado baixo.

A coordenadora alerta a população que a única forma de proteger as crianças contra a doença é com a vacina, que é segura. “Reforçamos que a Poliomielite causa a paralisia dos membros inferiores do corpo. Esse é um problema que provoca um grande impacto na vida da criança, uma vez que a doença limita a mobilidade dela”, salienta Ana Paula.

Outra informação importante que a coordenadora destaca é que, de acordo com o Ministério da Saúde, a campanha deste ano será a última na qual a vacinação será feita com o imunizante em forma líquida (gotinhas), que é denominado VOP (vacina oral Poliomielite). Após a campanha, o Ministério da Saúde substituirá gradualmente a VOP pela VIP (vacina inativada Poliomielite). Segundo o órgão federal, recentes estudos técnicos feitos pelo próprio ministério e por instituições sanitárias internacionais indicaram maior eficácia da VIP contra a doença.

Fonte: Departamento de Comunicação
Prefeitura Municipal de Hortolândia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui