Hortolândia inicia campanha de vacinação contra Influenza na segunda-feira (25/03)

48

Prefeitura realiza vacinação em todas as UBSs, das 8h às 15h30

Quer se proteger contra a Influenza? Então, fique atento! A Prefeitura de Hortolândia inicia a campanha de vacinação contra a doença, nesta segunda-feira (25/03). A imunização será feita em todas as UBSs (Unidades Básicas de Saúde) do município, no horário das 8h às 15h30.

De acordo com a Secretaria de Saúde, os públicos prioritários a serem imunizados na campanha deste ano são crianças de seis meses a menores de seis anos; gestantes; puérperas; idosos acima de 60 anos; povos indígenas; professores; e trabalhadores da saúde. A meta é vacinar 90% das pessoas desses públicos.

Também estão incluídos na lista dos públicos prioritários da campanha deste ano pessoas com comorbidade a partir de seis anos; pessoas com doença crônica; pessoas com deficiência permanente; forças de segurança e salvamento; forças armadas; trabalhadores do transporte coletivo; trabalhadores portuários; caminhoneiros; população privada de liberdade; e população em situação de rua. Neste ano, o Dia D da campanha será em 13/04. A campanha será realizada até 31/05.

A coordenadora do Programa de Imunização da Secretaria de Saúde, Ana Paula Fernandes, explica que neste ano o Ministério da Saúde determinou a antecipação da campanha em razão de ter constatado o aumento da circulação dos vírus da Influenza já no verão.

“Geralmente, o aumento da circulação dos vírus da Influenza acontece durante o período outono/inverno”, ressalta a coordenadora. Ana Paula ainda salienta que, com a antecipação da campanha, o objetivo é imunizar os públicos prioritários contra a doença antes do auge do período outono/inverno. “Os públicos prioritários são os mais suscetíveis a contrair Influenza, principalmente crianças e idosos”, alerta a coordenadora. Ainda segundo Ana Paula, a vacina é importante porque protege a pessoa contra a pneumonia, que é o quadro mais grave da doença e que pode motivar internação.

Outra mudança determinada pelo Ministério da Saúde na campanha deste ano é que para receber a vacina será necessário apresentar algum documento com foto e CPF (Cadastro de Pessoas Físicas). A coordenadora explica que ao ser imunizada, cada pessoa será identificada nominalmente, por meio do CPF, no sistema do Ministério da Saúde, tal como é feito na vacinação contra a COVID-19 e nas vacinas que integram o Calendário Nacional de Vacinação.

Fonte: Departamento de Comunicação
Prefeitura Municipal de Hortolândia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui